Grupo de transição do Hospital da Cidade se reúne com colaboradores da Cardiodinâmica, administradora do Hospital do Coração

Auditório cheio e muitas dúvidas esclarecidas. Foi assim a reunião entre o Grupo Técnico de Recebimento do Hospital da Cidade, composto por representantes da Prefeitura de Maceió e coordenadores do Hospital do Coração, e as lideranças dos funcionários do hospital. Na oportunidade, foi comunicada que é falsa a informação sobre um processo seletivo para contratação de profissionais para o Hospital da Cidade.

Na última terça-feira (07), a Prefeitura de Maceió emitiu nota ratificando a transparência no processo de transição entre as atividades do Hospital do Coração e o Hospital da Cidade e que nesse processo não há seleção para novos profissionais. A previsão é que a transição dure 4 meses e nesse período a unidade de saúde particular continua em pleno funcionamento, atendendo pacientes por meio de convênios.

Durante o encontro, foi apresentado os avanços nos estudos feitos em parceria com a Cardiodinâmica e o Hospital Albert Einstein, para definir o modelo de gestão que será adotado. O coordenador geral do grupo de transição, que também ocupa o cargo de Controlador Geral do Município de Maceió, José Neto, destacou que a prioridade do município é oferecer todo o suporte possível para manter a excelência do atendimento.

“Temos uma equipe técnica competente. O prefeito JHC deixou claro que o Hospital da Cidade deverá manter os padrões de excelência já ofertados pelo Hospital do Coração. Nossa missão é ampliar os serviços dessa unidade de saúde e vamos fazê-la com responsabilidade”, garantiu José Neto durante reunião.

O diretor médico do Hospital do Coração, Ricardo César Cavancanti, fez questão de ressaltar que está acompanhando de perto o processo de transição de gestão. “Construímos um laço muito forte com a população alagoana, são 16 anos de um serviço prestado com excelência. Estamos debatendo junto aos consultores do Albert Einstein sobre o modelo de gestão mais adequado. Agora, o hospital do coração é mais nosso do que nunca, porque ele é de todo alagoano”.

O Hospital da Cidade, primeiro hospital público da Prefeitura de Maceió, vai entrar em funcionamento em 2024, ofertando tratamentos cardíacos, oncologia, cirurgia geral, maternidade, exames de alta complexidade, aumentando a capacidade do serviço público de saúde da capital alagoana.